As camisetas do Fluminense Futebol Clube, de Santana do Livramento

Com ilustrações de Evaldo Júnior (www.erojkit.com)

Fundado em 23 de março de 1936, o Fluminense Futebol Clube, evidentemente, homenageia seu homônimo carioca. Dois anos depois, logo após se filiar à liga santanense, venceu o já veterano Grêmio Santanense, à época atual campeão estadual, por 5 a 0. Em 1940, conquistou, pela primeira vez, o campeonato municipal, o que repetiria por mais duas vezes até 1950. Nesse período, sua campanha mais destacada se deu na temporada de 1947, quando goleou, pelo citadino, seus três tradicionais rivais (o Grêmio Santanense por 8 a 0, o 14 de Julho por 5 a 2 e 0 Armour por 7 a 1). No Estadual, não avançou às semifinais após ser eliminado apenas na prorrogação do segundo jogo contra o Floriano (que acabaria perdendo o título para o Internacional, da mesma forma, na prorrogação do segundo jogo). Venceria o municipal outra vez em 1950. Suas atuações da época lhe valeram o apelido de Derrubador de Campeões.

Na década de 1970, o Fluminense chega a participar do inflado Gauchão da primeira divisão em 1973. Não tenho certeza, mas acredito que a vaga tenha sido conquistada através da Copa do Governador do ano anterior (à qual o Fluminense se classificou por ter vencido uma das chaves da Segundona de 1972). Na ocasião, 20 clubes disputavam a primeira fase do Gauchão e os dez primeiros juntavam-se à dupla Grenal a partir da fase seguinte. O tricolor somou 16 pontos em 19 jogos (com seis vitórias) e não conseguiu se classificar.

1974* Fluminense FC (branca)

Foto de meados dos anos 1970, com o Fluminense ainda usando a mesma camiseta branca do começo da década anterior.

Quanto às camisetas do Fluminense durante suas participações profissionais na “era moderna” do nosso futebol, chama a atenção a pouca quantidade de modelos utilizados pelo clube. No começo da década de 1960, pelo menos a camiseta listrada chegou a ser com gola do tipo polo. Porém, no mínimo desde 1964 ambas as camisetas (titular e reserva) são com gola em V. Com relação ao uniforme branco, não restam dúvidas de que exatamente a mesma camiseta foi utilizada por mais de 10 anos, até por volta de 1976. Um detalhe interessante da camiseta branca é que ela tem o distintivo com as cores trocadas. Tanto a camiseta com gola polo quanto a camiseta branca chegaram a serem usadas sem distintivos.

Fluminense (tricolor, polo, verm em cima)

A última participação profissional do clube se deu na Copa do Governador de 1976. Atualmente, o Fluminense segue ativo entre os amadores, especialmente na categoria de veteranos.

Agradeço a Vicente Cabeça Guedes, que sempre me auxilia com fotos dos times santanenses. O escudo da capa da postagem veio do excelente e indispensável blog Times do RS.

 

5 comentários sobre “As camisetas do Fluminense Futebol Clube, de Santana do Livramento

  1. Bris Belga Cathalá Filho disse:

    Nós da Organização da Copa do Mundo de Amadores temos muito orgulho de termos o Fluminense de Santana do Livramento, pela terceira vez consecutiva disputando nossa Competição International.
    Parabéns á toda Diretoria e Atletas.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s