As camisetas da Associação Esportiva Sapiranga, de Sapiranga (completo)

Com ilustrações de Evaldo Júnior (www.erojkit.com).

Idealizado com apoio de Rosélio Basei do Escudos Gaúchos.

Quando resolveu se aventurar no mundo do esporte profissional, em 2001, a Associação Sapiranga era uma das grandes potências do futebol amador gaúcho. Fundada em 22 de janeiro de 1974, da união de Grêmio Esportivo Brasil e Sapiranga Futebol Clube, a Associação Sapiranga venceu por três vezes o Campeonato Estadual Amador, a última delas em 1999.

Nas duas primeiras temporadas, o clube usou um modelo bem pouco convencional, cujas faixas verdes são tão escuras que até podem deixar dúvida se não são pretas. Embora não haja logotipo do fabricante na parte da frente da camisa e apresente um layout bem diferente dos usados por outras equipes na mesma época, este modelo levava a marca Diadora. Curiosamente, não encontramos registro da equipe utilizando um uniforme alternativo entre 2001 e 2002.

Em 2003, a equipe trocou a marca italiana das camisetas, passando a utilizar Lotto. As camisetas da Lotto dessa época, em geral, eram produzidas em Montenegro, RS, por uma malharia chamada Incovest (embora também tenham sido produzidas pela Gladmar, proprietária da Clas’sport, de Farroupilha). Durante todo o período profissional, a camiseta titular da Associação era a branca.

Na temporada de 2004, usando camisetas da malharia ivotiense ASA, a Associação esteve muito perto de ser promovida à a elite do futebol gaúcho. Tudo começou com a desistência do Grêmio Santanense da Segundona e a subida de divisão de última hora da Associação (que havia ficado em terceiro na Terceirona 2003). No quadrangular decisivo de 2004, o clube empatou em pontos com o Farroupilha, mas tinha uma vitória e dois gols de saldo a menos do que o adversário. Essa foi a primeira temporada em que a Segundona tinha patrocinadores oficiais da Federação e, por isso, muitos clubes levavam o nome do Correio do Povo na camiseta.

Nessa época, o empresário Adolfo Homrich assumiu a presidência do clube e, com isso, vieram algumas mudanças nos uniformes para a temporada de 2005. Primeiro, as camisetas voltaram a ser da Lotto. Além disso, ganhou destaque o patrocínio da marca Ortopé, na época de propriedade de Homrich. E, por fim, os Hipermercados Big substituíam o Correio do Povo como patrocinador oficial do campeonato. O início da temporada até foi promissor, com o clube realizando uma boa primeira fase da Segundona, mas logo crescentes problemas nas empresas do então presidente atingiriam diretamente a equipe.

Ao final do Gauchão, Homrich ainda “transformaria” a Associação num novo clube: o Sapiranga Futebol Clube, que teria um final melancólico. Alguns anos mais tarde, a Associação retornaria as origens, atuando de maneira amadora.

Um comentário sobre “As camisetas da Associação Esportiva Sapiranga, de Sapiranga (completo)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s